A supersafra de 230 milhões de toneladas de grãos e o aumento da produção de carnes foram fundamentais para o resultado positivo do Produto Interno Brasileiro (PIB) no primeiro trimestre de 2017. Pela primeira vez desde o 4º tri de 2014, a economia brasileira voltou a crescer, segundo o Índice de Atividade Econômica do Banco Central. O avanço foi de 1,12%.

Em 2017, o Brasil está colhendo a maior safra agrícola de sua história, com alta superior a 25% sobre a colheita do ano passado. Puxado pelo frango, as carnes também têm apresentado bom desempenho, em que pese a Operação Carne Fraca. As exportações já estão voltando à normalidade. Com isso, o agronegócio consolida sua posição de atividade econômica mais importante do país neste momento. O campo representa 23% do PIB nacional. Somente nos últimos dois anos, gerou superávit de US$ 150 bilhões para o país.