IX Congresso Brasileiro de Marketing Rural e Agronegócio apresenta palestras e cases de destaque do marketing e encerra com o carisma e homenagem ao jornalista José Hamilton Ribeiro

Os dias 7 e 8 de agosto viveram  IX Congresso ABMR&A. Pelo segundo ano consecutivo, o evento ocorreu no interior da Feira Agrinsumos e Induspec no Transamérica EXPO. Nessa edição, o congresso foi iniciado, no dia 7, com uma plenária conjunta com o II Congresso ANDAV. A seção plenária, assistida por mais de 800 pessoas, foi inaugurada pelos presidentes da ABMR&A, Maurício Mendes, e da ANDAV, Marcos Antonio Nasser, que evidenciaram a importância de se reunirem importantes entidades para discutir assuntos de interesse do setor Agro.

Maurício Mendes, Presidente da ABMR&A

Na primeira parte da plenária, mediada por Mauricio Mendes, Alexandre Mendonça de Barros, da MB Agro e Dr. Roberto Rodrigues da GV Agro, apresentaram as suas  perspectivas para o Agronegócio Brasileiro, evidenciando o bom momento para as culturas da soja e milho, mas destacando também os eternos problemas estruturais como a falta de planejamento estratégico que prejudica a melhoria da infraestrutura e que não viabiliza os seguros para o setor, entre outros. Dr. Roberto lembrou a importância do Brasil para a segurança alimentar mundial e seu papel político junto às lideranças mundiais.

Na segunda parte da seção plenária, a advogada especialista em Direito Socioambiental, Samanta Pineda, da Sociedade de Advogados Pineda e Krahn e Rodrigo Lima, Diretor do ICONE, apresentaram os impactos do novo código florestal e da Rio + 20.

No dia 8 ,o Presidente da ABMR&A, Maurício Mendes, abriu o congresso, justificando a importância do tema central do evento – Sustentabilidade e Diferenciação no Agronegócio-, antecipando os assuntos que seriam debatidos em seguida. A condução da mesa coube a Eduardo Daher, diretor executivo da ANDEF e conselheiro fundador da ABMR&A. Na abertura dos trabalhos, a gerente de Sustentabilidade, Meio Ambiente, Saúde e Segurança da PepsiCo Foods,  Andreza Araújo, apresentou um case sobre a cadeia produtiva da batata. Mostrou como um projeto integrado com os produtores agrícolas vem trazendo bons resultados na sustentabilidade econômica, social e ambiental. A apresentação foi muito elogiada e provocou a participação dos presentes com perguntas e comentários.

Na sequência, as profissionais Fernanda Hoe e Marcela Toucchet, ambas gerentes de produtos da Pfizer Saúde Animal, apresentaram novas tecnologias na produção de bovinos e suínos que promovem melhores resultados na performance pecuária, no bem – estar animal e trazem benefícios para o meio ambiente através da redução de emissões de carbono.

Ainda na parte da manhã, Ana Lucia Taveira, gerente de meio ambiente da Vale Fertilizantes, mostrou a importante redução na emissão de CO2, conseguida pela indústria de fertilizantes. Em seguida, Dieter Schultzgerente de serviços e sustentabilidade agro da BASF, brindou a plateia com a palestra cujo tema foi “O Desafio da Sustentabilidade na Agricultura e como a Tecnologia pode ajudar nesse Desafio”, com grande interesse entre os congressistas.

Fechando a parte da manhã,Fábio Niedermeier, da ONG The Nature Conservancy e Mauro Lúcio Costa, presidente do Sindicato Rural de Paragominas, contaram como o município de Paragominas, no Pará, saiu da lista dos municípios que mais desmataram, para ser hoje um exemplo de sustentabilidade e conservação do meio ambiente.

Na parte da tarde, sob a presidência de mesa do publicitário Geraldo Alonso Filho, o evento recomeçou com a palestra de Bia Fovitzky, diretora da CDN Comunicação Corporativa. Em sua palestra, Bia mostrou como as empresas podem trabalhar em prol da construção da imagem, utilizando-se os novos e os tradicionais veículos de mídia, sempre pontuando as questões do setor Agro.

A apresentação seguinte foi de Luciana Salton que , aos 30 anos de idade, é diretora executiva da Vinícola Salton, responsável pelo marketing desta empresa de 102 anos.  Com muita simpatia e entusiasmo, mostrou as mudanças de posicionamento da empresa, partindo para produtos de melhor qualidade  e o relacionamento com seus mais de 600 produtores de uvas.

Já caminhando para seu final, Bob Vieira da Costa, sócio diretor da Nova/SB, apresentou-se com o tema – Agronegócio: Casos e Percepções-, trazendo bons  exemplos de como trabalhar a comunicação no setor  Agro. Em seguida, Dalton Pastore, também publicitário e presidente do ForCom, apresentou aos presentes os resultados do V Congresso da Indústria da Comunicação realizado no final de maio passado.

Encerrou o congresso, o jornalista e editor do programa Globo Rural ,José Hamilton Ribeiro, ícone do jornalismo do Agro, que deliciou a plateia com “causos”  espetaculares que viveu ,ao longo de sua carreira, na realização de suas reportagens. Após sua concorrida apresentação, José Hamilton Ribeiro foi homenageado com uma placa de prata, oferecida pela  ABMR&A, por seus serviços prestados ao agronegócio brasileiro, que foi entregue por Jacques Paciullo, vice-presidente da ABMR&A e Diretor Comercial da Rede Globo.

Esta entrada foi publicada em ACONTECE ABMR&A. Adicione o link permanenteaos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>