Ao se levar em conta dados de produção e preço analisados até setembro de 2020, a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) estima um novo salto para o Valor Bruto da Produção (VBP) do setor agropecuário em 2020.

Como pontua a instituição, agro deve finalizar o ano em R$ 855 bilhões, alta de 15,3% em relação a 2019. A nova estimativa está ligada à safra recorde e às exportações em alta com a elevação do dólar.

No que tange ao VBP agrícola, a alta deve ser de quase 20%, para R$ 549,8 bilhões. O resultado será puxado principalmente pela soja, cuja expansão está calculada em 27,4% em relação ao ano passado, para R$ 232,2 bilhões.

Já perante a pecuária brasileiro, o crescimento se mostrará menor frente ao núcleo anterior, mas importante da mesma maneira, com 8,1% (R$ 305,7 bilhões), impulsionado pelos preços da carne bovina. Neste mesmo cenário, espera-se que os setores de suínos e ovos também apresentem um incremento expressivo de faturamento, de 17,7% e 16,2%. Frango e leite, por outro lado, devem ter baixas no VBP.

Fonte: CNA e Feed&Food